Naturdata.com - Biodiversidade Online
diptero.jpg
ENTRADA ESPÉCIES EQUIPA CONTACTO

 
 
 
Entrada
Pesquisa de espécies
Legenda

Hyla molleri (Linnaeus, 1758)

ReinoAnimalia
FiloChordata
ClasseAmphibia
OrdemAnura
FamíliaHylidae
GéneroHyla
Nome ComumRela-comum, rela-de-moller, raineta, reineta, rã-arborícola-ibérica, luca
SinonimiasHyla arborea, Hyla arborea molleri, Hyla meridionalis molleri, Rana arborea
Colaboradores
Ricardo Ramos da Silva
Equipa técnica anterior
Emídio Machado - Colaborador
© Luís Sousa© Luís Sousa© Luís Sousa© Rui Andrade© Filipe Caetano© Faísca© Faísca© David Miguéis© Faísca© Fernando Romão© Armando Caldas© Luis Sousa© Mário Ferreira© Pedro Pires© Luís Sousa© Luís Sousa
© Luís SousaZoom
Informação adicional e observações sobre a espécie Hyla molleri

Espécie nativa de Portugal continental.

Adultos:   
http://naturdata.com/images/species/6000/thumbnail_1287687953.jpghttp://naturdata.com/images/species/6000/thumbnail_1250416718.jpghttp://naturdata.com/images/species/6000/thumbnail_1257760599.jpghttp://naturdata.com/images/species/6000/Hyla-molleri-6537-139081792540108-tb.jpg
    
    
    
    
    
    
    
    

Morfologia:
 O comprimento varia entre os 3,5 a 4,5 cm. A cabeça é mais larga do que comprida com focinho curto e arredondado.
 Os olhos são proeminentes, com pupila horizontal arredondada e íris dourada. Extremidades anteriores e posteriores compridas, com quatro e cinco dedos, respectivamente. Membranas interdigitais relativamente bem desenvolvidas nas patas posteriores.
 Pele do dorso muito brilhante, sem verrugas e coloração normalmente verde vivo. Apresentam tipicamente uma banda lateral escura que começa no focinho, atravessa o olho e se prolonga pelo flanco, curvando para cima na região lombar e estendendo-se pela zona interna do membro posterior.

 Reprodução:
  O período reprodutivo inicia-se na Primavera.
 As relas-macho formam coros ruidosos, cantando durante a noite nas orlas dos charcos e ribeiras onde se reproduzem e são as primeiros a chegar a esses locais.
 O canto de acasalamento é executado com a ajuda do saco vocal, que actua como cavidade de ressonância. O amplexo é axilar e ocorre na água, podendo durar várias horas.
 Cada fêmea pode depositar cerca de 200 a 1400 ovos, que formam pequenas massas esféricas.

 Alimentação:
 Consiste essencialmente em invertebrados diversos, nomeadamente aranhas, formigas, moscas, centopeias, percevejos e pequenos escaravelhos.

 Comportamento:
 É comum durante o dia, sobre arbustos, na vizinhança de cursos e planos de água, especialmente com tempo nublado e húmido, por vezes, encontram-se em dias limpos expostos ao sol sobre a vegetação. No entanto, as relas são activas principalmente à noite.
 


A ficha da espécie Hyla molleri foi actualizada pela última vez em 2014-01-26.
Distribuição
Comentários
Não existem comentários.


Por favor faça login para comentar

© Naturdata.com 2009-2018